O HB20 automático consome muito?


Uma das coisas pensadas quando alguém escolhe um carro é se ele consome muito: um carro que não roda bastante por litro de combustível pode se tornar uma fonte de despesa.

O HB20, da Hyundai, é um dos carros modernos com mais proprietários e quem ainda não o comprou tende a perguntar: a versão automática consome muito?

Pode-se ter a resposta usando os testes que o Inmetro realizou com os modelos 1.6 e 1.0, inclusive de outras montadoras.

Os resultados são muito positivos para quem usa o HB20, já que o aproveitamento de combustível é indicado como A, significando que se trata de um veículo eficiente.

Entendendo o gasto do HB20

preço hb20

O Inmetro testou tanto trajetos em rodovias quanto nas ruas comuns das cidades e os dois modelos do carro rodaram bastante para cada litro de combustível.

Começando pelo modelo 1.6, ele fez 7,6 km por litro de etanol e 11,6 km por litro de gasolina, sendo esses resultados referentes à cidade.

No mesmo tipo de trajeto, o modelo 1.0 faz os mesmos quilômetros com o etanol e apenas um pouco menos com a gasolina: 11,5 km.

No caso dos trajetos em estradas, o modelo 1.6 fez 8,7 km por litro de gasolina e 12,7 km por litro de etanol; já o modelo 1.0 fez 9,8 km por litro de etanol e 14,5 km por litro de gasolina.

Reclamações sobre o consumo do HB20

Mesmo com um consumo tecnicamente baixo, o site Reclame Aqui apresenta aos consumidores algumas reclamações sobre o HB20 automático: o cliente e questão até realizou verificações na concessionária onde adquiriu o veículo, ficando confirmado que não havia qualquer defeito.

A reclamação era que o veículo não ultrapassava os 6,5 km por litro, número que está bem abaixo em ambos os modelos.

Contudo, a Hyundai respondeu a esse consumidor dizendo que o tipo de etanol ou gasolina utilizado no abastecimento é um influenciador, inclusive a forma como o HB20 é dirigido.

O HB20 automático vale a pena?

Considerando a ficha técnica e o preço hb20 dos modelos 1.6 e 1.0, o consumo é baixo e esse é um veículo com o qual se consegue economizar no combustível. Porém, deve-se perguntar na concessionária sobre todas essas variáveis que podem anular essa economia.

Uma recomendação para os motoristas de quaisquer carros é não o deixar ligado sem necessidade e escolher etanol e gasolina de boa procedência, pois os combustíveis aditivados têm menos performance.